Global Social

Para quem gosta realmente de amizade, de aprender e adquirir conhecimentos

Seja bem vindo(a).O Global Social faz dia 10 de Julho o seu 10º Aniversario. Obrigado pela Visita. Volte Sempre.

Blog de Patrizia Gardona -- agosto 2018 Ficheiro (33)

Tua Luz...

Quando não há nada mais a ser dito, silencia.

Quando não há mais nada a ser feito, permitas apenas ser, apenas estar e fica na companhia do teu coração e este indicará o momento apropriado para agires.

Quando a lentidão dos dias acomodar tua vontade, enlaçando-te com os nós da intranqüilidade, descansa e refaz tua energia.

Não há pressa, a prioridade é que tu encontres novamente a tua…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 31 agosto 2018 às 9:30 — Sem comentários

Vencerás!

"Aquele que desperdiça o dia de hoje, lamentando o de ontem, desperdiçará o de amanhã, lamentando o de hoje."



(P.Raskin)





Insista mais um pouco!

Depois daquela curva pode estar a sua felicidade e a redenção que você espera há muito tempo.

Enxugue ás lágrimas da dor e renove-se nas boas novas que chegam com o novo dia. Hoje é…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 30 agosto 2018 às 17:30 — Sem comentários

Ele não sabia...



E ele não sabia que ele mesmo

era a manhã de ouro

pintada em meu horizonte

Que só havia um céu

cheio estrelas em meus olhos

por causa da sua existência

E deveria saber que a lua

tatuada em meu coração

tinha o seu nome.



Que o acre de terra

entre o oceano e a costa

era o desejo do seu abraço

E que a camisa de tecido macio

só poderia ser meus braços

em…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 29 agosto 2018 às 8:00 — 1 Comentário

Sentir-se Amado

Sentir-se amado O cara diz que te ama, então tá. Ele te ama. Sua mulher diz que te ama, então assunto encerrado.



Você sabe que é amado porque lhe disseram isso, as três palavrinhas mágicas. Mas saber-se amado é uma coisa, sentir-se amado é outra, uma diferença de milhas, um espaço enorme para a angústia instalar-se.



A demonstração de amor…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 28 agosto 2018 às 10:00 — Sem comentários

Contempla mais longe

Para o esquimó, o céu é um continente de gelo, sustentado a focas. Para o selvagem da floresta, não há outro paraíso, além da caça abundante. Para o homem da religião sectária, a glória de além-túmulo pertence exclusivamente a ele e aos que se lhe afeiçoam.`

Para o sábio, este mundo e os círculos celestias que o rodeiam são pequeninos departamentos do…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 27 agosto 2018 às 11:30 — Sem comentários

Para se formar um ser humano

“Para se formar um ser humano, não adianta apenas ensinar física, biologia, história, matemática e demais matérias convencionais. Precisamos também ser especialistas em viajar, em se relacionar melhor, em consumir cultura, em ter uma visão menos ortodoxa de tudo que nos cerca.”



Martha…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 26 agosto 2018 às 10:30 — Sem comentários

A Máquina do Mundo

E como eu palmilhasse vagamente

uma estrada de Minas, pedregosa,

e no fecho da tarde um sino rouco



se misturasse ao som de meus sapatos

que era pausado e seco; e aves pairassem

no céu de chumbo, e suas formas pretas



lentamente se fossem diluindo

na escuridão maior, vinda dos montes

e de meu próprio ser desenganado,



a máquina do mundo se entreabriu

para quem de a…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 25 agosto 2018 às 15:00 — Sem comentários

Meu Coração

Eu tenho um coração um século atrasado

ainda vive a sonhar... ainda sonha, a sofrer...

acredita que o mundo é um castelo encantado

e, criança, vive a rir, batendo de prazer...

Eu tenho um coração - um mísero coitado

que um dia há de por fim, o mundo compreender...

- é um poeta, um sonhador, um pobre esperançado

que habita no meu peito e enche de sons meu ser...

Quando tudo é…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 24 agosto 2018 às 12:30 — Sem comentários

Às vezes...

Às vezes, arredonda-se a lua nos meus olhos, em brancos-memória-espuma e canto, eu abro lentamente as pálpebras, sinto as brumas no arrepio que não é de frio, reencontro-me no espaço que me guarda o tempo, acompanho o voo das rimas nos poemas que um dia libertei, traço esquinas líquidas para os sonhos, na esperança de os encontrar ao cruzar os meus olhos com as…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 23 agosto 2018 às 10:30 — Sem comentários

Mulheres fortes

"Não te apaixones por uma mulher que lê, de uma mulher que sente muito, de uma mulher que escreve... Não te apaixones por uma mulher culta, feiticeira, delirante, louca. Não te apaixones por uma mulher que pensa, que sabe o que sabe e também sabe voar; uma mulher segura de si mesma. Não te apaixones por uma mulher que se ri ou chora fazendo amor, que sabe…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 22 agosto 2018 às 10:30 — Sem comentários

Saudade

Saudades Sinto

saudade de tudo que marcou a minha vida.

Quando vejo retratos, quando sinto cheiros,

quando escuto uma voz, quando me lembro do passado,

eu sinto saudade...



Sinto saudade de amigos que nunca mais vi,

de pessoas com quem não mais falei ou cruzei...



Sinto saudade da minha infância,

do meu primeiro amor, do meu segundo, do terceiro,

do penúltimo e daqueles…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 21 agosto 2018 às 11:30 — Sem comentários

O preço da idade

Um grande preço que pode se pagar pela idade:

- Não é a aparência menos jovem ou menos bela,

mas sim o peso da inconformação com isso.

- Não é olhar para trás e ver que muito se perdeu por lá,

mas deixar de notar o quanto se pode ganhar no "já".

- Não é ter alguns movimentos limitados por ela,

mas sim não perceber que a vida continua em movimento contínuo

e equilibrado para cada fase de si…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 20 agosto 2018 às 10:00 — Sem comentários

Fala-nos do Amor

Então, Almitra disse: 'Fala-nos do amor'

E ele ergueu a fronte e olhou para multidão, e um silêncio caiu sobre todos, e com uma voz forte, disse:



'Quando o amor vos chamar, segui-o,

Embora seus caminhos sejam agrestes e escarpados;

E quando ele vos envolver com suas asas, cedei-lhe,

Embora a espada oculta na sua plumagem possa…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 19 agosto 2018 às 11:30 — 1 Comentário

Dizer do amor

Se você ama, diga que ama. Não tem essa de não precisar dizer porque o outro já sabe. Se sabe, maravilha, mas esse é um conhecimento que nunca está concluído. Pede inúmeras e ternas atualizações. Economizar amor é avareza. Coisa de quem funciona na frequência da escassez. De quem tem medo de gastar sentimento e lhe faltar depois. É terrível viver contando…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 18 agosto 2018 às 12:00 — Sem comentários

Bom dia princesa

Bom dia princesa querida. Vai passear?

- Bom dia Rainha Menina. Sim, vou aproveitar o sol da manhã e passear entre as flores do jardim do Reino.

- Muito bem menina amada. Aproveite o que a Natureza nos oferece. Teu viver em comunhão com ela será radioso.

- Caminha um pouco comigo, minha Rainha?

Tem um assunto que gostaria de conversar com a…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 17 agosto 2018 às 16:30 — Sem comentários

Amar e Ser Amado



Amar e ser amado! Com que anelo

Com quanto ardor este adorado sonho

Acalentei em meu delírio ardente

Por essas doces noites de desvelo!

Ser amado por ti, o teu alento

A bafejar-me a abrasadora frente!

Em teus olhos mirar meu pensamento,

Sentir em mim tu’alma, ter só vida

P’ra tão puro e celeste sentimento

Ver nossas vidas quais dois mansos rios,

Juntos, juntos perderem-se…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 16 agosto 2018 às 10:30 — Sem comentários

Levante com o Sol para orar

Ore sozinho. Ore com frequência. O Grande Espírito o escutará você, ao menos, falar. Seja tolerante com aqueles que estão perdidos no caminho – A ignorância, o convencimento, a raiva, o ciúme e avareza, originam-se de uma alma perdida. Ore para que eles encontrem o caminho do Grande Espírito. Procure conhecer-se, por si próprio – Não permita que outros façam…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 15 agosto 2018 às 8:00 — Sem comentários

O tratamento do silêncio

Ignorar, desengatar, recusar-se a reconhecer, etc. Todas essas variações do tratamento silencioso não apenas removem a outra pessoa da discussão que você está tendo com ela, mas acaba por removê-la, emocionalmente, do relacionamento que você tem com ela. A principal coisa a lembrar é... As diferenças de opinião (mesmo as mais importantes) não destroem…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 14 agosto 2018 às 9:30 — Sem comentários

Fragmentos soltos

Fragmentos soltos dos mesmos sonhos... sim...

Pétalas de amor colhidas no jardim do infinito

Bouquets de versos perfumados só para mim...

Eu recolhi-os nos trilhos secretos do destino.



Eu bem te vi naquela rua de tormento...

Estavas com um manto amargo de dor...

Ah amor! Aninha-te em meu pensamento...

Escuta a melodia dos meus versos de amor.



Quisera eu tecer as malhas de um novo…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 13 agosto 2018 às 6:00 — Sem comentários

Poema para o Pai

Uma oração para você Pedi ao pai para que guiasse seus passos,

Que iluminasse sua mente.

Uma benção especial de sua graça,

Pedi aos anjos para ficarem todo o tempo

Com você, vigiar e proteger,

Em tudo o que você fizer.

Quando eu orei ao Pai para que...

Lhe enviasse nas asas dos anjos, um toque

De amor e…

Continuar

Adicionado por Patrizia Gardona em 12 agosto 2018 às 13:24 — Sem comentários

Membros da Rede

Funcionalidades que pode utilizar

Chat/Bate-Papo
Amigos
Recados e Mensagens
Fostos/Videos/Blog
Entretenimento/Ajuda

© 2019   Criado por Adul Rodri (Adm).   Produzido Por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

arrow