Seja bem vindo(a). Agora está ainda mais fácil usar a rede Global Social, use os menus na barra de topo e nas laterais.
Novidades: Novos Cards Martinha, Novos Poemas no grupo de Poesia, Novo Grupo Espaço Religião, novos temas Margarida e Livita, novas Capas em Arte para Perfil, diariamente novos blogs área de Blog. Obrigado pela Visita. Volte Sempre.

Blog de Francisca de Caldas Menduiña (52)

Amor além da vida

1510695-1442176492695571-8397937543740967807-n

Este amor que desordena minh’alma

faz meu peito gritar ao mundo

ensanguenta meus caminhos onde percorro

pra te encontrar, sou qual uma pianista exímia

que faz das estrelas notas musicais

enfeita o universo cada vez que silencias

para que possa ouvir de longe o chamado

quando distraído pousa estas fortes mãos

em mim, preenchendo o vazio que deixaste

o horizonte se faz mais belo quando te…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 12 setembro 2019 às 14:30 — Sem comentários

A viagem

1875train

Procure viajar sozinha, deixe a velha bagagem,

Pra trás, e não olhe pro que ficou,

Leve consigo apenas seu coração ,

E seus pensamentos mais puros!!

Não pare, ande sempre em frente,



Se alguém perguntar quem és, diga,

Sou uma viajante a procura do amor

Sorria sempre, olhe apenas pros lados

Se perguntarem por sua bagagem

Acene pro coração e não diga nada,



Quando a…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 9 setembro 2019 às 20:00 — Sem comentários

À deriva amor

Chorei muito antes de ti esperar

aguardo tua chegada com o coração afoito

tuas mãos sempre me levam a lugares seguros

livre de tormentas, sorrio...

estar sem ti é navegar solta no mar,

à deriva onde não podem me encontrar;

Silencio meus lábios estando junto a ti,

é o silêncio amparada com amor

enfim posso contemplar o céu e mar

sem medo de me perder de solidão,

teu amor é meu…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 4 setembro 2019 às 13:30 — Sem comentários

Somos estranhos

8e780517

Perfeitos estranhos seríamos

se o amor não nos unisse

se na mesma noite de amor nos amassemos

se tão perto ou longe

a vida nos separasse

de que vale esta vida insípida

o gozo de amor nos mostrasse

que amar é possível

em qualquer idade ou distância

eu jamais te teria dentro de mim

dia e noite meu pensamento

faz-me perder a noção

a minha…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 31 agosto 2019 às 15:00 — Sem comentários

Coração fechado

Amei tanto que desfaleci

inútil dizer teu nome assim

mãos que deslizaram carícias loucas

em mim... em ti,

os prazeres descansaram tua conquista

amor democrático,

coração tem dono merecido sempre

o choro agora se confunde além

do que posso querer,

em volta da lua me afasto de ti

com medo da recaída

puxo as rédeas da emoção

canto uma…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 29 agosto 2019 às 14:30 — Sem comentários

Quem sou eu

3476304450?profile=RESIZE_710x

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 28 agosto 2019 às 14:00 — Sem comentários

Céu e mar

Estou entre céu e mar-

entre brilho distante em formosura

ando entre elas sorrateiramente,

canto com a lua um canto irreverente

peço a ela que mande meu amor aqui;

Meus braços espero ampará-lo

meus lábios anseio os teus

Procuro seguir as batidas do meu peito

trêmula persisto neste amor

que por vezes me renegas

em órbita quase me sinto

tal o desespero…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 25 agosto 2019 às 21:00 — Sem comentários

Esperança

3447517965?profile=RESIZE_710x

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 25 agosto 2019 às 16:00 — Sem comentários

A Lua cheia

Pela janela do meu quarto a Lua entrou linda!

Com sua luz exuberante

pensei em muitas coisas, fiquei à admira-la linda,

parecia me dizer que sou linda quanto ela

que o amor está dentro de mim

é mais lindo e melhor do que penso

já não sinto tão vazia a noite

ela me afagou com carinho

como uma poesia de amor pra mim

levantei me olhei no espelho e me vi outra

tão bela quanto…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 24 agosto 2019 às 13:30 — Sem comentários

Amar-te



Sem medo do que vinha de longe

Sentir-me em teus braços

Me sufocar nos desejos

De volta a este amor

Que definha min’alma

Quase perdida sem ti

Afogo meus dissabores

Em braços que me prendem

Os dias passam, eu em soluços

Quase parando, em passos lentos

O passado me persegue

Destruindo-me no ápice do amor

Que hoje em outros braços…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 22 agosto 2019 às 1:30 — Sem comentários

Juntando os cacos

Juntei os cacos da minha vida, sofrida

Enxuguei o sangue que jorra do meu coração

Fechei os olhos pra não ver o mundo,

Entrei dentro de mim...

A pergunta foi uma só...

Quem sou eu afinal!

Por mera coincidência uma fraude do destino,

Ou uma coisa tida como pessoa?

A resposta ficou no ar...

Sei apenas da minha luta exausta pra te ter,

Sai…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 21 agosto 2019 às 14:30 — Sem comentários

AMANHECEU AMOR

Meu amanhecer foi ouvindo como sonho

sussurras baixinho como um canto

me dizendo;

Te amo muito amor! este coração

desregula de emoção ouvindo tua voz,

depois de uma noite de gozo

tuas mão passaram pelo meu corpo todo

nosso suor se misturaram, nos ais

de cada vez de amor

assim fomos a noite toda

a paz reina e meu peito acelera,

como uma…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 15 agosto 2019 às 14:30 — Sem comentários

À beira da loucura

Nas dobras do dia a dia perdi teu amor

Minhas noites são como estrelas brilhantes pra ti

Sem reflexo ao luar me procura com altivez

Um amor explodindo dentro do peito é esmagador

Desejo louco de ti amar cada dia mais

Meus dias são nublados sem vida

Meu corpo num vazio explode

De saudades de tua presença aqui

Madrugadas na solidão do quarto vazio

Teu aroma sinto presente em…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 13 agosto 2019 às 15:00 — Sem comentários

A morada

Meu coração morada de amor

reflete a magia que me beijou

sinto apenas as batidas do coração

sigo sem destino

nos campos verdes passei

os pássaros em revoada

cantaram pra que eu parasse

o sol tão lindo!

finda o dia...

lá no horizonte

ele se esconde

avermelhado

tão lindo quanto meu…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 9 agosto 2019 às 13:00 — Sem comentários

Além de ti

Nada existe sem teu olhar

Ando em passos desordenados

Não existo sem ti...

Meu destino o abismo

Em silêncio vivo procurando

Onde estás; Apenas a pergunta

Como fazer pra viver sem ti

Abstrata minha vida

Se o sol que ti aquece aquecesse a mim

Ouvir acordes vindo de ti quero ouvir

Assim meus olhos secariam

As lágrimas que vertem de saudade

Chamo a lua pra comigo…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 6 agosto 2019 às 13:30 — Sem comentários

Equívoco e fantasia

Fantasiei o amor a meu modo

Arrebatadores momentos vivi

Tremi contra teu peito

Deliciei-me entregando-me a ti

Cantei o canto dos lamentos

Diz-me onde andas sem mim

Tremores sinto de amor

A solidão minha companheira

Sons, imagens suplico;

Teu sonho maior queria

A sinfonia dos pássaros

Conduz-me a ti,

Quero a morte sentir

Sem refletir o desatino

O amor tem nome!

Com outro sinto teu calor

A…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 26 julho 2019 às 12:30 — Sem comentários

A cura do teu amor



Sou pra ti a cura de tua louca delinquência

A luminosidade de longe evidencia tua vinda

Nesse amor que habita em nós sem risco

Este amor cantado em toda sequência.



Deixe os beija-flores se achegarem

E cantarem este amor sem sugarem

O mel que tenho guardado pra ti

É o néctar que um dia a ti aderem



Eu triste procuro olhar a árvore caída

Controlo os passos firmes neste…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 23 julho 2019 às 12:30 — Sem comentários

Paz que desejo

A paz que procuro tanto está dentro de mim

Nos momentos de solidão me encontro

Comigo mesma, me surpreendo...

Vejo quem sou naquele momento

Sinto que realizo alguns desejos e me alegro

Entro no fundo de minh’alma

Vejo a ternura que existe em mim

Mesmo, com minhas más passagens

Que a vida me propôs...

Acalento meu eu e vejo que valeu a pena

A vida que Deus me…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 15 julho 2019 às 14:00 — Sem comentários

Decifra-me

Enquanto pulsa sangue no peito decifra-me!

incendiando meu íntimo de lirismo,

de onde vem o amor que dedico agora;

eu tardio te procure e não te encontre.



Decifra-me, se puderes na minha solidão,

nas lágrimas que derramei por ti

nas histórias contadas em poemas pra ti

que ao leu me deixou numa noite sem luar



Decifra-me, adorna minha vida com um beijo

p’ra não…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 13 julho 2019 às 15:00 — Sem comentários

Belos campos





Em meio as montanhas fiquei

Sem fadiga sentei,

Belas árvores ali encontrei logo me encantei,

Ao redor Deus me abençoando

Com a natureza bela em formosura

Me emaranhei entre as montanhas

Entre uma e outra dançava

O brilho do sol encantava em tudo;

Embelezando a linda natureza

Que meus olhos conduziam...

Belos sonhos tive, sentada,

Seduzida com belos…

Ler mais

Adicionado por Francisca de Caldas Menduiña em 4 julho 2019 às 12:00 — Sem comentários

Fale com os membros

Ola deixe apenas uma mensagem por dia pois por limitações só são guardadas as ultimas 100 mensagens.

Novidades

Nota importante: Para ver as mensagens, os amigos e aceder as configurações use o menu da barra de topo.
Pagina Principal Página Principal

 Abrir o perfil

 Ver os recados.

 Abrir caixa de mensagens

 Ver pedidos de amizade recebidos

Lista de Membros Ver lista de Membros

 Configurações

Use o Menu lateral para:
Escrever mensagens aos amigos, adicionar entrada de blog, usar o gerar cartões, enviar presentes e flores.

Menu de Funcionalidades

Membros
Fotos/Videos/Blog
Entretenimento/Ajuda

Presença no Facebook

Grupo do Global no Facebook

Pagina Curtam, a Pagina no Facebook

© 2019   Criado por Adul Rodri (Adm)   Produzido Por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço