Blog de Patrizia Gardona -- março 2021 Ficheiro (30)

Se um dia tiver que escolher...

Se um dia tiver que escolher entre o mundo e o amor lembre-se: se escolher o mundo ficará sem o amor, mas se escolher o amor com ele você conquistará o mundo.

Albert Einstein

Fonte:…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 31 março 2021 às 10:00 — Sem comentários

Amar

https://i2.wp.com/caminhanteaprendiz.com.br/wp-content/uploads/2017/02/amor-arvore.jpg?fit=1920%2C1200&ssl=1&profile=RESIZE_710x

Que pode uma criatura senão, entre criaturas, amar?

amar e esquecer, amar e malamar,

amar, desamar, amar?

sempre, e até de olhos vidrados, amar?



Que pode, pergunto, o ser amoroso,

sozinho, em rotação universal,

senão rodar também, e amar?

amar o que o mar traz à praia,

o que ele sepulta, e o que, na brisa marinha,

é sal, ou precisão de amor, ou simples ânsia?



Amar…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 30 março 2021 às 9:00 — Sem comentários

A alma é sábia

A alma é sábia: enquanto achamos que só existe dor, ela trabalha, em silêncio, para tecer o momento novo. E ele chega.

Ana Jácomo
Fonte: Pensador.com/autor/ana_jacomo

Adicionado por Patrizia Gardona em 29 março 2021 às 10:30 — Sem comentários

Abismo

Olho o Tejo, e de tal arte

Que me esquece olhar olhando,

E súbito isto me bate

De encontro ao devaneando

O que é ser rio, e correr

O que é está lo eu a ver

Sinto de repente pouco,

Vácuo, o momento, o lugar.

Tudo de repente é oco

Mesmo o meu estar a pensar.

Tudo eu e o mundo em redor

Fica mais que exterior.

Perde tudo o ser, ficar,

E do pensar se me some.

Fico…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 28 março 2021 às 10:00 — Sem comentários

Quando me Amei de Verdade

Quando me amei de verdade,

Compreendi que em qualquer circunstância, estava no lugar certo, na hora certa, no momento exato. E, então, pude relaxar.

Hoje sei que isso tem um nome... Auto-estima.



Quando me amei de verdade,

Pude perceber que a minha angústia, o meu sofrimento emocional, não passa de um sinal de que estou a ir contra as minhas verdades.

Hoje sei que isso é...…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 26 março 2021 às 8:00 — Sem comentários

Sonhos de Menina

https://kakaobraga.files.wordpress.com/2014/12/cecilia-sonhos-da-menina.jpg

A flor com que a menina sonha

está no sonho?

ou na fronha?



Sonho

risonho:



O vento sozinho

no seu carrinho.



De que tamanho

seria o rebanho?



A vizinha

apanha

a sombrinha

de teia de aranha...



Na lua há um ninho

de passarinho.



A lua com que a menina sonha

é o linho do sonho

ou a lua da…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 25 março 2021 às 8:30 — Sem comentários

Pode ser

Pode ser que um dia deixemos de nos falar...

Mas, enquanto houver amizade,

Faremos as pazes de novo.



Pode ser que um dia o tempo passe...

Mas, se a amizade permanecer,

Um de outro se há-de lembrar.



Pode ser que um dia nos afastemos...

Mas, se formos amigos de verdade,

A amizade nos reaproximará.



Pode ser que um dia não mais existamos...

Mas, se ainda sobrar…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 24 março 2021 às 9:00 — Sem comentários

O Pessimismo é Excelente para os Inertes

O Pessimismo é uma teoria bem consoladora para os que sofrem, porque desindividualiza o sofrimento, alarga-o até o tornar uma lei universal, a lei própria da Vida; portanto lhe tira o carácter pungente de uma injustiça especial, cometida contra o sofredor por um Destino inimigo e faccioso! Realmente o nosso mal sobretudo nos amarga quando contemplamos ou imaginamos o bem do nosso vizinho - porque nos sentimos escolhidos e destacados…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 23 março 2021 às 8:30 — Sem comentários

Caça

https://www.rbsdirect.com.br/imagesrc/24706770.jpg?w=700

Por que é importante ler? Pergunta recorrente em qualquer encontro de escritores com estudantes. E a gente acaba desfiando um rosário de respostas prontas, um blá blá blá repetitivo, apesar de necessário. Mas hoje vou dar um exemplo prático. Estava lendo uma revista - nem era um livro - quando me deparei com uma entrevista feita com o chef Philippe Legendre, estrela da gastronomia francesa de quem nunca provei um ovo frito. Ignorante…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 22 março 2021 às 9:00 — Sem comentários

Um Apólogo

https://storage.googleapis.com/makestories-202705.appspot.com/VVWXqnrGC8UE8aStyeESNNEb9mR2/machado-de-assis-epoca.jpg

Era uma vez uma agulha, que disse a um novelo de linha:

— Por que está você com esse ar, toda cheia de si, toda enrolada, para fingir que vale alguma cousa neste mundo?

— Deixe-me, senhora.

— Que a deixe? Que a deixe, por quê? Porque lhe digo que está com um ar insuportável? Repito que sim, e falarei sempre que me der na cabeça.

— Que cabeça, senhora? A senhora não é alfinete, é agulha. Agulha não tem cabeça. Que…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 21 março 2021 às 9:00 — 1 Comentário

Aprenda a chamar a polícia

Eu tenho o sono muito leve, e numa noite dessas notei que havia alguém andando sorrateiramente no quintal de casa. Levantei em silêncio e fiquei acompanhando os leves ruídos que vinham lá de fora, até ver uma silhueta passando pela janela do banheiro. Como minha casa era muito segura, com grades nas janelas e trancas internas nas portas, não fiquei muito preocupado, mas era claro que eu não ia deixar um ladrão ali, espiando…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 20 março 2021 às 8:00 — Sem comentários

Da arte de nascer e viver

Da arte de nascer e viver

Você está instalado confortavelmente no ventre da mãe, que lhe provém de tudo, no morno entorno do útero, e ainda assim, de vez em quando lhe dá uns coices.

Você começou de um ovo, com a união do espermatozoide com o óvulo. A princípio, era uma coisa insignificante, e chegou a ser quase um peixe, com guelras. Foi evoluindo para a forma humana, enquanto a barriga da mãe também estufava cada vez…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 19 março 2021 às 9:30 — Sem comentários

História de Mineiro

Estou sabendo de uma historinha que bem valia um conto e feito por quem a narrou, o contista que anda arrebatando todos os prêmios dos concursos em que se inscreve: Edson Guedes de Morais. É um caso de mineiro. Trata de gente pobre e de filho que veio trabalhar no Rio, prosperou e um dia mandou uma carta ao pai:

Meu pai: com a graça de Deus, posso dizer que já tenho economia suficiente para pretender realizar qualquer sonho seu.…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 18 março 2021 às 9:00 — Sem comentários

É preciso saber desligar

https://thumbs.dreamstime.com/b/feche-acima-do-homem-que-desliga-o-interruptor-da-luz-79565480.jpg

Esqueça o trânsito caótico, a urucubaca política, o tal balancete no final do ano.

Deixe de lado a cobrança interna, a dívida externa, a tão eterna dúvida.

Viver é assim.

Não há como negar.

Para ficar ligado é preciso saber desligar.

Fácil?

Nem tanto.

Descobrir qual é o seu tempo é tarefa nobre: exige um grande conhecimento sobre si mesmo.

Portanto, esqueça o relógio.

Seu tempo está dentro…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 17 março 2021 às 6:30 — Sem comentários

O Velho

Vocês não acreditam, mas também este cronista costuma ir ao Banco, e não só para pagar contas de luz, gás, telefone. Vai conversar com o Gerente - um gerente simpático, desses que não coçam a orelha quando a gente propõe uma reforma de título. Mas quem sou eu para pleitear tamanha mercê? Procuro o Gerente para conversar sobre amenidades, e ele me ouve com paciência e atenção. Até me conta coisas de seu filho, o Escritor. O Escritor…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 16 março 2021 às 8:00 — 1 Comentário

Canção do dia de sempre

https://fesofap.portaliap.org/wp-content/uploads/2017/11/manha-1.png

Tão bom viver dia a dia...

A vida assim, jamais cansa...



Viver tão só de momentos

Como estas nuvens no céu...



E só ganhar, toda a vida,

Inexperiência... esperança...



E a rosa louca dos ventos

Presa à copa do chapéu.



Nunca dês um nome a um rio:

Sempre é outro rio a passar.



Nada jamais continua,

Tudo vai recomeçar!



E sem nenhuma…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 15 março 2021 às 9:00 — Sem comentários

Minhas Férias

https://thumbs.dreamstime.com/b/fam%C3%ADlia-na-barraca-ao-acampar-em-f%C3%A9rias-feliz-com-as-duas-crian%C3%A7as-141743202.jpg

Eu, minha mãe, meu pai, minha irmã, Su, e meu cachorro, Dogman, fomos fazer camping.

Meu pai decidiu fazer camping este ano porque disse que estava na hora de a gente conhecer a natureza de perto, já que eu, a minha irmã e o meu cachorro nascemos em apartamento, e, até cinco anos de idade, sempre que via um passarinho numa árvore, eu gritava "aquele fugiu!" e corria para avisar um guarda; mas eu acho que meu pai decidiu fazer…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 14 março 2021 às 9:30 — Sem comentários

A vida é maravilhosa

https://www.dicasdemulher.com.br/wp-content/uploads/2012/01/mitos-sobre-a-terceira-idade.jpg

A vida é maravilhosa, mesmo quando dolorida. Eu gostaria que na correria da época atual a gente pudesse se permitir, criar, uma pequena ilha de contemplação, de autocontemplação, de onde se pudesse ver melhor todas as coisas: com mais generosidade, mais otimismo, mais respeito, mais silêncio, mais prazer. Mais senso da própria dignidade, não importando idade, dinheiro, cor, posição, crença. Não importando nada.…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 13 março 2021 às 9:00 — Sem comentários

Passeio

https://s1.1zoom.me/big0/820/Scenery_Greece_Sea_454521.jpg

De um exílio passado entre a montanha e a ilha

Vendo o não ser da rocha e a extensão da praia.

De um esperar contínuo de navios e quilhas

Revendo a morte e o nascimento de umas vagas.

De assim tocar as coisas minuciosa e lenta

E nem mesmo na dor chegar a compreendê-las.

De saber o cavalo na montanha. E reclusa

Traduzir a dimensão aérea do seu flanco.

De amar como quem morre o que se fez…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 12 março 2021 às 8:30 — Sem comentários

Dez chamamentos ao amigo

Se te pareço noturna e imperfeita

Olha-me de novo. Porque esta noite

Olhei-me a mim, como se tu me olhasses.

E era como se a água

Desejasse



Escapar de sua casa que é o rio

E deslizando apenas, nem tocar a margem.



Te olhei. E há tanto tempo

Entendo que sou terra. Há tanto tempo

Espero

Que o teu corpo de água mais fraterno

Se estenda sobre o meu. Pastor e…

Ler mais

Adicionado por Patrizia Gardona em 11 março 2021 às 11:00 — Sem comentários

Fale com os membros

Ola deixe apenas uma mensagem por dia pois por limitações só são guardadas as ultimas 100 mensagens.

Membros da Rede

Menu de Funcionalidades

Membros
Fotos/Videos/Blog
Entretenimento/Ajuda

Novidades

Nota importante: Para ver as mensagens, os amigos e aceder as configurações use o menu da barra de topo.
Pagina Principal Página Principal

 Abrir o perfil

 Ver os recados.

 Abrir caixa de mensagens

 Ver pedidos de amizade recebidos

Lista de Membros Ver lista de Membros

 Configurações

Use o Menu lateral para:
Escrever mensagens aos amigos, adicionar entrada de blog, usar o gerar cartões, enviar presentes e flores.

Adicionados novos car-tões para  o Dia de finados, halloween, Boa noite e qualquer ocasião
nos cards Martinha.
Visitem e compartilhem

© 2022   Criado por Adul Rodri (Adm)   Produzido Por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Registe-se Juntos fazemos a diferença!