Seja bem vindo(a). Agora está ainda mais fácil usar a rede Global Social, use os menus na barra de topo e nas laterais.
Novidades: Novos cartões em Cards Martinha, novas Barrinhas no grupo "O que a alma me fala", novos Poemas no grupo Poesia, novo Grupo Espaço Religião, novos Temas Margarida e Livita, novas Capas no grupo Arte para Perfil, novos Cartões no grupo Scraps, diariamente novos Blogs área de Blog. Obrigado pela Visita. Volte Sempre.

Visualizações: 87

Respostas a este tópico

Membro: Margarida Oliveira
Data: 30 Maio 2010 às 00:21
Titulo: Acros Fardos
Mensagem:

A menos que desejes estender-se, suas,
Unhas e dedos comerão sem fome.
As direções infantes tomadas em vão!
Reinando o tempo suficiente ou não...
Exitem fardos leves como plumas,
Que irregularmente para o sol e a lua,
Mas terra invulupias encontra sobre o,
Vasto chão.
Hinos cantaram ao som de trovões,
Achando saída em meio espaço escuro,
Sem sentido ao léu em ruas,
E germinando ópio cravado na alma sua...
O orvalho é o amparo, o consolo, o lume,
E há seu tempo seus frutos ostentam os germes,
E frágeis somem ao tocar do vento.
O sopro suave ao relento, individualizão,
Poder de ti se quiserdes vencer.

Hynes Margarida de Oliveira

Meus amigos para vocês que gostam de poesias!
Visitem meu blog sitedepoesias.com.br/poetas/hynesmaga
Fiquem a vontade para comentar.

Membro: Margarida Oliveira
Data: 27 Julho 2010 às 03:30
Titulo: Cores brancas
Mensagem:

Vi! seu sorriso curto, quase sem graça tanto amarelo,
Vi! Também o cinza daquele abraço fraco não querendo,
Abraçar.
Aos poucos vi as cores do arco-íris se formando sobre mim,
E naquele dia! Renasci como um pássaro branco a pairar no,
Céu azul.
A distancia! Muitas vezes chorei! Sim de alegria!
Por ter visto o novo dia que brilhou como um sol lindo!
Radiante amarelo, que transmitia o calor de suas ondas,
dando-me novas emoções.
E seu sorriso agora é lágrimas de solidão...
e sozinho migra em leitos incertos, e cada dia mais sofres com,
Sua decisão errada e má de me fazer sofrer.

Hynes Margarida de Oliveira

Meus amigos para vocês que gostam de poesias!
Visitem meu blog sitedepoesias.com.br/poetas/hynesmaga
Fiquem a vontade para comentar.

Membro: Margarida Oliveira
Data: 27 Julho 2010 às 04:30
Titulo: Tarde de mais
Mensagem:

Rendo-me a distância que tão longe,
Afoga meus desejos...
O saber que não ti terei, leva meu pensar,
Sem sentido...
O tempo se foi tão depressa, e nem mesmo se.
Lembrou de mim...
Agora!Que isso que sinto... Afogando-me,
Todos os dias no findar dos meus tempos...
Quero arrancar do peito logo!
Antes que me transforme em tormentos.
Amizade! Seria tão afetuosa!
Que o pensar em ti... Leva-me as lágrimas,
Sussurros de um sentimento mudo. Que jamais,
De ti terei o cheiro.
O destino levou-me tarde, a unir minha alma a sua...
Hoje, já me remonto aos cacos!
Traz-me seu amor! E tão distante...

Hynes Margarida de Oliveira

Meus amigos para vocês que gostam de poesias!
Visitem meu blog sitedepoesias.com.br/poetas/hynesmaga
Fiquem a vontade para comentar.

Membro: Margarida Oliveira
Data: 30 Julho 2010 às 14:42
Titulo: Prece Silênciosa
Mensagem:

ilenciosas lágrimas rolam nesta,
Delicada e cálida face...
Ouvia a repreensão e queria poder,
Elevar-se ao céu.
Sussurros de palavras solitárias num,
Breve momento ia aos poucos chegando,
Ao coração sôfrego.
Aquele martírio infinito levara a vida...
E, elevou aos céus uma prece a sentir a voz,
Do anjo.
Afasta-te de mim hó cálice!
A vida entrego-te agora para que haja-me,
Coragem, e nada mais me assolem a afeição,
Consola-me, e lentamente eu veja a luz.

Hynes Margarida de Oliveira

Meus amigos para vocês que gostam de poesias!
Visitem meu blog sitedepoesias.com.br/poetas/hynesmaga
Fiquem a vontade para comentar.

Membro: Helena Arke
Data: 11 fevereiro 2019 às 17:30
Titulo: É a vida
Mensagem:

O único sentido da vida é o amor que nos liga a tudo e a todos. Retirando o amor da equação da vida, desaguamos num mar de irónicas contradições.
Somos apenas uma peça de um ecossistema que se auto equilibra e em que tudo está interligado.
Mas tudo tem um lado positivo e, se utilizarmos todo o nosso amor numa espiral de energia positiva, induziremos o ecossistema à alegria, à paz, à harmonia, à luz, à saúde, à felicidade e, assim receberemos dele as frequências ou fragrâncias similares.
Deus
Somos Deus. Eu sou Deus e você também é. Somos uma peça ecológica de um infinito sistema ecológico. Somos ecologia. E é este o meu conceito de Deus. Se olharmos para fora de nós com atenção e sensibilidade vemos Deus. Se olharmos para dentro de nós da mesma forma O encontramos.
VIVER NÃO CUSTA, CUSTA É SABER VIVER.

PROVÉRBIO SUECO
Teme menos e espera mais.
Come menos e mastiga mais.
Queixa-te menos e respira mais.
Fala menos e diz mais.
Odeia menos e ama mais.
E terás tudo de bom.

Carlos Lopes

Membro: Helena Arke
Data: 21 fevereiro 2019 às 17:30
Titulo: Desejos Negativos
Mensagem:

O discípulo disse ao mestre:

-Tenho passado grande parte do meu dia pensando coisas que não devia pensar, desejando coisas que não devia desejar, fazendo planos que não devia fazer.

O mestre convidou o discípulo para um passeio na floresta perto de sua casa; no caminho, apontou uma planta e perguntou se o discípulo sabia o que era.

- Beladona! Disse o discípulo. Pode matar quem comer suas folhas.

- Mas não pode matar quem simplesmente a contempla.
Da mesma maneira, os desejos negativos não podem causar nenhum mal - se você não se deixar seduzir por eles.

Aproveite e mentalize:

Eu só penso o melhor para minha vida.
Meus pensamentos são reflexos de alegria, confiança, esperança e fé.

D. A.

Membro: Helena Arke
Data: 28 fevereiro 2019 às 16:30
Titulo: Não se misture com quem você não seria
Mensagem:

     Não se misture com quem desconhece limites entre humor e ofensa, com quem nunca escuta.
   Com gente que não consegue se colocar no lugar do outro, não torce por você, com quem não tem capacidade de amar.
    Adultos não deveriam se importar com a opinião alheia, nem ter necessidade extrema de serem aceitos.   Adultos deveriam bastar-se sozinhos, rir de si mesmos, preferir ter paz a ter razão. Isso seria maturidade. Isso deveria ser a meta de todos nós. Para tanto, não devemos jamais nos misturar com pessoas que não se afinam com nossas verdades, com nossas visões de mundo. Não se misture.
    Não se misture com quem faz piadinhas desagradáveis sobre você, rindo amigavelmente na sua frente e, muito provavelmente, continuando a sorrir com desprezo na sua ausência. Com gente que desconhece limites entre humor e ofensa, que ironiza assuntos sérios, subestimando a vida de qualquer um que passe por perto.
     Não se misture com quem não ouve, nunca escuta, apenas sabe falar sobre si mesmo. Com gente cuja própria vida é o único foco de suas conversas, que se acha melhor do que todos, até mesmo diminuindo o outro para se   sentir mais importante.
    Não se misture com quem é frio, insensível, com quem não se abala com a dor de ninguém.
    Com gente que não consegue se colocar no lugar do outro, que sempre acusa as pessoas de serem culpadas por suas próprias misérias, que nunca será capaz de admitir que erra, que machuca, que é minimamente humano.
     Não se misture com quem não torce por você, com quem nunca recebe seus sonhos sorrindo, com quem subestima tudo o que você é. Com gente que espera sua derrota, que aguarda seu vacilo, que tem certeza de sua queda. Gente que jamais será capaz de comemorar suas vitórias com verdade.
      Não se misture com quem não tem capacidade de amar, de se doar, de compartilhar. Com gente que só quer receber, ganhar, ser o centro do universo. Gente que não sai do círculo do próprio umbigo, não estende a mão, não oferece ajuda, não se importa com o que não está dentro de si.
     Estaremos bem e felizes quando conseguirmos viver o que mora em nossos corações, sem precisar fingir perto dos outros. Fato é que não necessitamos de máscaras quando nos encontramos em nosso meio, junto a nossa gente, ao que vibra em sintonia com nossa alma.
    Ninguém merece sufocar sua essência perto dos outros. Não se misture com quem sufoca, nem se for para ficar na melhor companhia do mundo: somente com você mesmo.


Desconheço a autoria

Membro: Helena Arke
Data: 16 março 2019 às 22:30
Titulo: A cura é quando a gente aprende, desprende e segue
Mensagem:

A cura é quando a gente aprende, desprende e segue.
É abrir uma nova tela e dizer: é hora de recomeçar.


A cura, por vezes, é um grande desprendimento de tudo que não vale mais nenhum investimento emocional, limpando a caixa de memória, abrindo espaço interno para novos projetos sensações e momentos.
A cura é tudo aquilo que fazemos cessar em nós. Seja dor, tristeza, mágoa, rancor. Tudo que tenha se transformado em luto, dando-nos o tempo necessário para que aprendamos a nos reconstruir com a alma e com a força que nos impulsiona ao recomeço.
É quando prestamos mais atenção nos dias, com outro olhar buscando sustentação interna dentro de uma grande aura de luz e energia, que pode nos transportar a caminhos melhores, depois de termos deixado para trás aquele tempo de desgaste, dentro da necessidade interna de encontro e reconciliação com o que habita em nós.
A cura vem quando passamos a viver de aceitação interna, sabendo de nossas prioridades, indo em busca de viver, não empurrados ou jogados à própria sorte, mas suturando as feridas, abrindo espaço para um caminhar mais aberto e ao mesmo tempo livre do peso do passado, que, muitas vezes, martela e insiste em querer fazer parte da transitoriedade dos dias.
É quando ficamos mais perto do que o coração não rejeita e com mais sensatez, aprendemos a nos reconstruir de modo mais humano, mais ameno e menos explosivo, onde silêncios na hora certa evitam desgastes e turbulências desnecessárias.
A cura vem da querência de buscar a própria felicidade, sem interferência de ninguém, fazendo uma lista mental do que devemos levar para a vida como lição do que devemos criar em nós, sendo mais próximos de nós mesmos e de tudo que nos faz entender o que é relevar, perdoar, acreditar e confiar, como quem assina, ao mesmo tempo, um pacto com o destino.
É como encaixar a alma dentro de uma grande reflexão interna, sem se opor a si mesmo (a) aliviando as bagagens, envolvendo-se em novas oportunidades, em busca da própria paz.
É ir em busca de alcançar desejos e sonhos com coragem, determinação e fé, acima de tudo, sendo tocados pelo coração.
A cura, por vezes, é um grande desprendimento de tudo que não vale mais nenhum investimento emocional, limpando a caixa de memória, abrindo espaço interno para novos projetos sensações e momentos.
É também tudo aquilo que jamais será esquecido, por ter sido amor, por ter sido, generosamente, bom e feliz.
Essa é a cura da saudade e de tudo aquilo que nos aproximou mais da vida. Cura essa, que, muitas vezes, não passa, mas nos faz sorrir momentaneamente pelo bem que nos fizeram, pela conjunção do amor e pela linha ténue que ficou entre nós, como algo que não se separa internamente.
A cura vem do querer, do precisar, da vontade de se transformar, mas também, muitas vezes, de ficar ali mais um pouco abraçando aquilo que nos fez ser gratos por tantas coisas boas.
O tempo ajuda, a gente se situa, aprende a compreender e segue. É como abrir uma nova tela e dizer: é hora de recomeçar!

Sil Guidorizzi

Membro: Helena Arke
Data: 13 abril 2019 às 21:00
Titulo: Buscar Mudanças
Mensagem:

Acalma os anseios de mudanças constantes.
Deus te colocou no melhor lugar para o teu progresso moral e espiritual.
O Lar que tens o trabalho em que te encontra, a cidade onde resides são oportunidades de treinamento para a tua evolução.
“Pedra que rola não cria limo” – afirma o ditado popular.
Quem sempre está de mudança não amadurece, nem realiza coisa alguma.
“Cumpre a tarefa onde estejas e, no momento próprio, depois de acurada meditação, toma o teu rumo definitivo.”

Divaldo Franco / Joanna de Ângelis

Membro: Helena Arke
Data: 30 abril 2019 às 12:00
Titulo: De que valeria falar de estrelas?
Mensagem:

O seu amor será eterno, esteja aqui ou em outro plano.
O seu carinho o será igualmente, se você o sentis hoje pelo seu irmão.
A sua fé o acompanha desde sempre.
A sua humildade tanto será maior quanto praticá-la agora.
A sua esperança será eterna como o é o espírito.
Que o seu gesto seja sempre abençoado pelo seu olhar.
Na sequência em que estamos projetando nossa explanação tem sido o nosso objetivo maior o de servir ao homem, alertando-o para as coisas mais simples do seu viver.
De que valeria falar de estrelas enquanto o homem não conhece as suas reações; porque falar do Sol se o homem igualmente não conhece a sua luz interior que tem maior potência?
Igualmente temos esclarecido sobre os seus sentimentos, pois o homem os tem voltado para o lado errado e não tem feito deles melhor uso, este exclusivo do seu livre arbítrio.
Agora, meus queridos irmãos, como repetir e dizer sempre a mesma coisa, se os irmãos não ouvem?
Seria preciso que estivéssemos sempre tocando no mesmo ponto para que este reagisse?
Pois a reação é um benefício do homem e ele não quer ouvir e não quer, também, atender ao que se fala ou ao que se diz, e por isso deixa de ter informações que lhe poderiam valer.
Por quanto tempo ainda o homem ficará alheio ao que se passa ao redor?
Por quanto tempo ainda ele se quedará no fundo do seu eu indagando aquilo que não lhe diz respeito, deixando o seu próprio conhecimento se diluir no seu tempo eterno, e não fazer nada de certo, de útil, de firme em seu próprio benefício — o encontro do seu sentimento.
Para sempre sejam claras as palavras do Grande Arquiteto da Humanidade:
"Amai-vos uns aos outros como EU vos amei".
E que estejamos sempre ligados às fontes eternas da LUZ, da PAZ do AMOR.
A HORA É CHEGADA. QUEM TEM DEVERES A CUMPRIR, QUE OS CUMPRA.

RAMATIS

Membro: Helena Arke
Data: 12 maio 2019 às 11:30
Titulo: A Vida é uma espiral
Mensagem:

"A vida é como uma espiral e não como uma linha reta. Passado e futuro se encontram em um infinito presente".
A espiral é a essência do mistério da vida. Assim como se centra, ela também pára, se encontra, se retorce e, então, desce e sobe novamente em graciosas curvas. O tempo se retorce em torno de si mesmo, trazendo os ecos e vibrações enquanto que os caminhos vivos da espiral passam próximos um do outro. A vida corre por estradas sinuosas, os seres se encontram em determinados pontos de suas caminhadas, se entrelaçam, se afastam, partem, retornam às origens. O ponto de partida também é o ponto de chegada trazendo-nos a questão do retornar sempre, reencontrar-se e se renovar.
As espirais também circulam dentro de nós, a energia circula em espiral, é onde a matéria e o espírito mais perfeitamente se encontram, e o tempo, por ele mesmo, não existe. Os nativos lembram as diversidades da vida e dos caminhos, e não compreendem o mundo de forma linear, o seguir em frente em uma única direção como se a vida fosse uma linha reta traçada entre um ponto de início e um de término.
O destino é sempre ir além. O grande desafio de todo ser, por natureza um guerreiro trilhando as estradas das espirais da vida, é essa busca, é o retorno, é a partida, é caminhar em círculos/ciclos assim como caminha a natureza, pois somos parte dela. É fazer girar a roda do tempo, não nos prendendo em nenhum ponto em específico porque, assim, podemos vislumbrar os mais diversos pontos que compõem a espiral.
Sobre as formas espiraladas e circulares, Alce Negro, dos Oglala Sioux coloca o seguinte: "Tudo que o poder do mundo faz é feito em círculo. O céu é redondo e tenho ouvido que a terra é redonda como uma bola, e assim também o são as estrelas. O vento, em sua força máxima, rodopia. Os pássaros fazem seus ninhos em círculos, pois a religião deles é a mesma que a nossa. O sol nasce e desaparece em círculo em sua sucessão, e sempre retornam outra vez ao ponto de partida. A vida do homem é um círculo, que vai da infância até a infância, e assim acontece com tudo que é movido pela força. Nossas tendas eram redondas como os ninhos das aves, e sempre eram dispostas em círculo, o aro da nação, o ninho de muitos ninhos, onde o Grande Espírito quis que nós chocássemos nossos filhos".
Para os antigos celtas essa é toda a essência do mistério da vida. O circular, o espiralado. O tempo, uma das triplas linhas tão importantes para o imaginário celta, se retorce em torno de si mesmo. Os astecas achavam que certas flores que tinham em seu centro espirais, eram a alegria do mundo, mostrando o ciclo do sol, quando nasce e se põe, as estações, solstícios, ciclos assim como a vida dos homens. Os orientais falam da kundalini, do fluxo de uma energia em espiral, dos redemoinhos energéticos que perambulam nossos corpos.
Como vórtex de energia, as espirais encontradas em vestígios antigos expressavam um entendimento do cosmos, da energia vibrante, da vida, ou o seu contrário. Tradicionalmente, os ancestrais compreenderam que espirais no sentido horário representavam o nascer, o sol, a vida, o mundo de cima, a transformação pelas experiências exteriores. Para o sentido anti-horário, representavam a lua, a morte, o outro mundo, o mundo de baixo, o mundo dos sonhos e alucinações, intuição, as experiências transformadoras vindas do nosso interior.
Para os hindus, o que no nosso mundo terrestre era no sentido anti-horário, para a esquerda, no mundo de baixo, no outro mundo, correspondia ao sentido horário. Hoje sabe-se que esses simbolismos expressam as funções cerebrais, o lado esquerdo do cérebro regula o lado direito de nosso corpo, o lado direito regula o lado esquerdo do corpo. Nem bom, nem mal, apenas diversidades que compõe o universo, uma perfeita simbiose, uma perfeita composição de energias.
Se vermos vários locais sagrados dos antepassados, desde o paleolítico, em qualquer parte do mundo, notaremos sempre a compreensão circular e espiralada. A espiral é a energia vital, é a energia em movimento, é a própria jornada.

Desconheço a autoria

RSS

Fale com os membros

Ola deixe apenas uma mensagem por dia pois por limitações só são guardadas as ultimas 100 mensagens.

Novidades

Nota importante: Para ver as mensagens, os amigos e aceder as configurações use o menu da barra de topo.
Pagina Principal Página Principal

 Abrir o perfil

 Ver os recados.

 Abrir caixa de mensagens

 Ver pedidos de amizade recebidos

Lista de Membros Ver lista de Membros

 Configurações

Use o Menu lateral para:
Escrever mensagens aos amigos, adicionar entrada de blog, usar o gerar cartões, enviar presentes e flores.

Adicionados novos car-tões para  Páscoa e Semana Santa nos cards Martinha.

Menu de Funcionalidades

Membros
Fotos/Videos/Blog
Entretenimento/Ajuda

Presença no Facebook

Grupo do Global no Facebook

Pagina Curtam, a Pagina no Facebook

© 2020   Criado por Adul Rodri (Adm)   Produzido Por

Badges  |  Relatar um incidente  |  Termos de serviço

Registe-se Juntos fazemos a diferença!